Acantose Nigricans na pele, Conheça o Tratamento

Apesar das várias afecções que surgem na pele, existem alguns sinais que ela pode apresentar que não são considerados uma doença e sim um sintoma de algum tipo de doença que está se instalando no organismo, ou as vezes, já se encontra instalada e em pleno desenvolvimento.

Entre esses sinais na pele está a Acantose Nigricans que em geral se manifesta lentamente e que precisa ser investigada sem demora, pois pode ser sinal de complicações graves como, por exemplo, algum tipo de câncer.

O que é

Denomina-se Acantose Nigricans uma complicação na pele caracterizada por manchas escuras com textura aveludada que em geral aparecem nas dobras da pele.

A Acantose Nigricans não se trata de uma doença mas sim um sintoma de doença como um câncer ou diabetes.

A Acantose é classificada de duas formas, benigna e malígna;

  • Acantose Nigricans Benigna – em geral causada pela Obesidade, histórico genético e disfunções endócrinas.
  • Acantose Nigricans Maligna – essa é uma situação mais difícil de acontecer, mas existem os riscos e, nesse caso, as causas podem ser: Tumores ou as atividades adversas da insulina no corpo.

Acantose Nigricans 470x281 - Acantose Nigricans na pele, Conheça o Tratamento

Sintomas na pele

Os sinais mais característicos para a Acantose Nigricans na pele são:

  • Aparecimento das manchas com aspecto de cor escura com textura seca e áspera com semelhança ao veludo. Em geral, essas manchas se desenvolvem lentamente, o que exige maior atenção quando existira algum sinal delas.
  • Além das manchas, pode ocorrer o aparecimento de verrugas que, nesse caso são conhecidas por Papilomatose.

Se o indivíduo observar o aparecimento repentino de manchas que podem caracterizar a Acantose Nigricans, é importante buscar por um médico dermatologista com urgência para que se descubra o verdadeiro diagnóstico e se inicie um tratamento adequado para combater o problema.

Logo num primeiro contato, o médico já poderá adiantar alguma coisa sobre o que está acontecendo, mas mesmo assim, será necessário alguns exames adicionais para maior garantia desse diagnóstico.

Exames que podem ser solicitados pelo médico: Exame de Insulina, Exame de glicemia, Biópsia da pele, Endoscopia e também um exame de Raio-X.

Agente Causador

Com respeito aos agentes causadores da Acantose Nigricans na pele, na verdade ela pode ser influenciada por vários fatores, tais como:

  • Obesidade – essa pode ser considerada a principal causa do surgimento da Acantose,
  • Histórico familiar – apesar de ser possível, essa é uma das causas menos prováveis para a Acantose,
  • Desordem hormonal – a disfunção hormonal que causa complicações diversas ao organismo, também pode contribuir para surgirem essas manchas no corpo. Entre essas complicações no organismo estão: Hipotireoidismo, Acromegalia, Síndrome dos ovários policísticos, Síndrome de Cusching, entre outras complicações.
  • Câncer – quando as manchas de Acantose surgem de maneira rápida, isso pode ser sintoma de câncer no estômago, por exemplo. Nesse caso, as manchas costumam aparecer em pessoas de meia idade e idosos podendo afetar também a língua, a boca e os lábios.
  • Uso de medicamentos – suplementos de musculação, remédios anticoncepcionais, repositores hormonais, medicamentos para tireoide entre outros medicamentos também podem contribuir para o aparecimento dessas manchas no corpo.

Áreas do corpo Afetadas

Essas manchas podem aparecer em varias partes do corpo tais como:

  • Axilas,
  • Cotovelos,
  • Joelhos,
  • Virilhas,
  • Pescoço,
  • Tornozelos,
  • Região lateral do corpo,
  • Palma das mãos,
  • Sola dos pés.

Os Tratamentos Indicados

Por se tratar de sintomas de doença e não uma doença em si, quando o assunto é o tratamento para Acantose Nigricans na pele, esse vai depender da doença que está se instalando no organismo. Dessa forma, ao se combater a doença que está acontecendo, automaticamente também as manchas poderão ser tratadas.

Entre as doenças mais comuns que apontam como sinal as manchas na pele estão:

  • Diabetes – quando as manchas na pele são causadas pelo Diabetes, certamente que o tratamento precisará ser apropriado para normalizar os níveis de glicose no sangue. A partir do momento que a glicose é controlada, também as manchas tendem a diminuir sobre a superfície da pele.
  • Síndrome metabólica – para essa situação, o importante é que o paciente emagreça para voltar a viver com saúde. Também nesse caso, na medida em que o indivíduo começa a recuperar a saúde, também as manchas no corpo vão diminuir e desaparecer.

Quando se fala de perder peso com saúde, é importante que se faça uma reeducação alimentar e que o indivíduo pratique atividades físicas regulares. Para se conseguir os melhores resultados, os alimentos ingeridos o mais natural possível, são imprescindíveis, tais como:

Frutas com o bagaço, vegetais e cereais integrais, castanhas, nozes, entre outros alimentos balanceados são importantes para que a pessoa perca peso com saúde.

  • Ovário Policístico – nesse caso, é feito um tratamento com medicamentos anticoncepcionais para regular os hormônios. Na medida em que o problema é resolvido, também as manchas tendem a desaparecer.

Nas situações em que a Acantose aparece sem existir uma causa lógica para isso, pode-se optar por tratamentos de uso local para dissolver a camada córnea com ação Queratolítica como:

  • Ácido Retinoico,
  • Ureia,
  • Ácido Salicílico,
  • Lactato de Amônia.

Esses tratamentos ainda podem ser associados ao uso de produtos pigmentantes para clarear a pele, mas todas essas possibilidades certamente deverão ser avaliadas pelo médico dermatologista levando-se em conta o quadro clínico do paciente.

Quando essas manchas aparecem em casos mais brandos, menos extensas, pode-se optar por tratamentos a Laser ou Dermo-abrasão como ótimas alternativas para diminuir essas manchas.

Ainda quando as manchas são mais extensas, e mesmo assim, não existe uma causa conhecida, existe a possibilidade de tratamentos com medicamento via oral com o uso de medicamentos como:

  • Isotretinoína,
  • Etretinato,
  • Metformina.

Nesse caso, o médico responsável é que poderá recomendar a melhor opção entre os medicamentos e a forma como deverá ser usado com maior garantia contra os efeitos colaterais.

Leia também: