Alisamento feito com guanidina, seus cabelos lisos como nunca


By Betty di Luca | 6 de junho de 2016.

O alisamento feito com guanidina ainda gera muitas dúvidas na cabeça das mulheres, pois realmente é um procedimento que exige muita atenção para não causar um efeito contrário no resultado. Qualquer produto quando usado de maneira indiscriminada e sem cuidar das devidas exigências, poderá causar danos drásticos.











Vamos procurar ajudar você, fazendo alguns questionamentos óbvios que devem ser pensados com atenção. enbtão vamos lá:

O que é a guanidina?











Esse produto alisador potente vem a base de hidróxido de cálcio com carbonato de guanidina. É uma mistura que deve ser feita pelo cabeleireiro na hora, e esta deve ser com muito cuidado para que não seja colocada uma quantia maior de hidróxido de cálcio o que, por sua vez, poderá causar o ressecamento dos cabelos.

A Guanidina é compatível com outras químicas?

Apesar de alguns cabeleireiros dizerem que é possível alisar e tingir os cabelos ao mesmo tempo, é importante saber que existem químicas com as quais a categoricamente a guanidina NÃO é compatível, que são tioglicolato de amônia, henê e o hidróxido de sódio. Então, é importante saber que não se deve fazer mudanças nas bases alisantes de qualquer jeito.

Cabelos que possuem progressivas que são a base de formol, jamais deverão receber a guanidina. Pois, poderá acontecer a sobrecarga dos fios o que resultará num corte químico drástico.

alisamento feito com guanidina em cabelos pretos

antes e depois de alisamento com guanidina

antes e depois de relaxamento e alisamento com guanidina

É obrigação de um bom cabeleireiro estar muito bem informado sobre o que pode e o que não pode ser compatível com a guanidina.

Para quem deseja alisar os cabelos com guanidina e ao mesmo tempo pintar, como a guanidina tem pH alcalino não se deve usá-la com outros produtos a base de amônia. Este produto tem o poder de abrir as escamas dos fios, otimizando a penetração dos produtos. O ideal é que use tintas sem amônia, pois estas não irão interferir na estrutura dos fios.

Para não correr o risco de errar e acabar com as madeixas, é sempre prudente fazer o tal teste de mecha antes de se jogar de vez nestas químicas.

A guanidina também NÃO é compatível com descolorações dos cabelos, portanto, não faça vão com mechas, luzes e outros clareamentos.

O relaxamento com guanidina pode ser feito depois de um relaxamento com hidróxido de sódio, mas nunca o contrário.

Quanto tempo leva para fazer o alisamento com guanidina?

Este é uma dos alisamentos mais lentos e pode levar até 3 horas para mostrar sua ação sobre os fios. Essa demora se dá pelo fato dessa química possuir moléculas maiores. Mas, ainda age mais rápido do que o tioglicolato de amônia, pois possui pH maior.

alisamento a base de kit com guanidina

cabelos com alisamento feito com guanidina

relaxamento a base de guanidina

Pode-se conciliar escova inteligente e relaxamento com guanidina no mesmo dia?

Não, isso por que resseca os cabelos, e em especial se a outra formula for a base de formol, isso porque poderá prejudicar drasticamente sua saúde. Por outro lado, se uma química for bem aplicada, não haverá a necessidade de outra.

Qual é o intervalo entre um alisamento com guanidina e uma coloração?

Vai depender muito do fabricante. Mas pode variar de 10 dias até 2 meses. Se o cabelo estiver muito saudável, dependendo da tintura é possível fazer a coloração em 20 dias mais ou menos, mas antes deve-se fazer uma reposição de queratina ou uma reconstrução dos fios. Por isso que se diz que o ideal é apostar nas tinturas sem amônia.

A guanidina pode interferir na pigmentação dos fios?

A guanidina não interfere significativamente na pigmentação dos cabelos, mas caso os fios estejam porosos ou o produto utilizado não seja de boa qualidade, poderá ocasionar a opacidade dos cabelos. Outra situação que poderá alterar a cor, é caso o cabelo não seja devidamente enxaguado durante o procedimento, isso porque o cal irá deixar os fios enrijecidos, ressecados e porosos.

Quanto tempo preciso esperar para trocar da guanidina para outra química de alisamento?

É importante ter a consciência de que quem usa guanidina deve esperar até que todos os fios alisados sejam trocados, no caso através do corte ou alo assim. Caso faça outra química ainda com a guanidina nos cabelos, poderá causar o temido corte químico. Passar da guanidina para o tioglicilato, nem pensar.

O ideal mesmo, é esperar um enorme espaço de tempo entre uma química e outra.

Grávidas podem se sujeitar a este alisamento ou relaxamento com guanidina?

Não, de maneira alguma, pois este produto poderá desencadear alergias graves entre outros problemas.

Podem ser usados kit de alisamentos a base de guanidina?

O ideal é que este seja um procedimento realizado por profissionais que realmente entendam do assunto. Outro fator de suam importância é se certificar de que seus cabelos não tenham sido submetidos a outras químicas, como acima foi citado.

Mas caso queira mesmo fazer o procedimento sozinha, deverá buscar por produtos de boa qualidade, seguir estritamente as dicas da embalagem e fazer primeiramente o teste de mecha para perceber qual será a reação dos seus cabelos.

Então, aqui foram deixadas algumas dicas que com certeza lhe serão de grande ajuda. fique esperta viu?














Leia também...